Processo de Investimento

Fundos de Ações

Nosso processo de investimento começa com a elaboração de cenários de longo prazo provenientes da análise macroeconômica, em que têm destaque as políticas monetária e fiscal do Brasil e dos principais protagonistas globais. Essa análise tem desdobramentos em seus componentes setoriais e regionais. A etapa mais importante é o reconhecimento do estágio do ciclo econômico e do ciclo de Bolsa em que nos encontramos, ou seja, a análise cíclica. Cada estágio tem seus próprios temas, e procuramos entender seus pontos de inflexão ou ruptura. A alocação de recursos decorre largamente dos setores e empresas que melhor desempenham em cada momento do ciclo.

A escolha individual dos investimentos passa pela seleção, pelo Comitê de Investimentos, do universo de papéis elegíveis para a carteira. Os critérios são: qualidade do management, governança, valor real da empresa (valuation) e hidden values , valores ocultos que, aflorando, darão às ações um desempenho superior. A principal ferramenta desta fase é o preço alvo de cada papel.

Finalmente, a operação, em si é influenciada por uma série de fatores de timing: protagonistas, oportunidades, mercado sobrecomprado ou sobrevendido, fluxo de notícias. O acompanhamento de nossas premissas, posterior à compra, é de suma importância e estamos sempre revendo as hipóteses que lastrearam as operações.

Multimercados

Em larga medida o processo é equivalente, com mais ênfase na análise macroeconômica, sua inserção política e em análise quantitativa da relação risco-retorno. Ao invés de ações apenas, são analisados ativos em geral.

Não perca mais tempo!

Entre em contato, um de nossos especialistas irá ajudar-lo a fazer um ótimo investimento.